Skip to content

Pontos de Interesse

SHOPPING PALÁCIO DO GELO - 20 Min da Praia
10001474

No início da década de 90, o Palácio do Gelo foi pioneiro no país ao integrar num mesmo espaço equipamentos complementares nas áreas do desporto, saúde, entretenimento, comércio e serviços.

O novo Palácio do Gelo Shopping vem reinventar e ampliar esse conceito inovador, ao construir um novo e marcante edifício, com mais de 175.000 m2, especialmente desenhado para a fruição dos diferentes segmentos que o integram.

O Palácio do Gelo Shopping reúne inúmeras características diferenciadoras que permitem oferecer uma das melhores “Shopping and Leisure Experiences” do nosso país: amplos espaços de circulação, zonas de estar de elevado conforto, introdução de novas marcas em Portugal, novos conceitos de entretenimento para toda a família, pista de gelo, acesso gratuito à internet wireless muitas outras valências, atraindo clientes de todo o país e de Espanha.

Este complexo comercial inclui o maior Hipermercado da região,o maior clube de desporto e bem-estar do país, uma oferta completa em Moda e Serviços, 6 salas de cinema equipadas com material digital de ultima geração e 3D comercial, um inédito Bar do Gelo, bem como uma Praça de Restauração e fantásticos terraços exteriores com vista privilegiada sobre as Serras da Estrela e do Caramulo.

 

Estalagem Romana da Raposeira - 1 Min da Praia
DSCF1289
Estalagem Romana da Raposeira – 1min da Praia
É provável que este lugar corresponda ao que os Romanos designariam por mansio ou mutatio, ou seja, estaremos em presença de uma estalagem romana, de natureza pública ou oficial, situada junta ao cruzamento de duas importantes estradas imperiais – uma oriunda da cidade romana de Vissaium (Viseu) e ao outra de Bobadela (Oliveira do Hospital), outrora também cidade romana capital de civitas;
Esta estalagem, construída nos inícios do séc. I d.C. estaria dotada das instalações indispensáveis ao desempenho da sua função enquanto área de descanso e abastecimento: da área termal, às cozinhas e aos quartos de dormir, dos armazéns e estábulos a uma forja (esta última prudentemente construída um pouco afastada dos restantes edifícios).
Este seria, portanto, que um lugar de pernoita quer de paragem breve a meio de um percurso, onde os cavalos recuperavam forças e os viajantes poderiam relaxar o corpo nas termas e o espírito na taberna.
Ermida da Senhora do Castelo Mangualde - 1 Min da Praia
patrimonio_03

Santuário de Peregrinação (séc. XVIII-XIX), com escadório de granito decorado por pináculos e dividido em lanços entre os quais surgem quatro capelas (dedicadas respectivamente à Sra. da Conceição, à Sra. da Encarnação, à Sra. da Visitação e à Sra. da Assunção) decoradas de azulejos rococó que narram os passos mais significativos da Vida da Virgem, terminando na sua glorificação no interior da ermida. Da igreja, de linhas graciosas mas simples, destaca-se a torre ameada, altíssima, elevada a prumo sobre a fachada principal.

 

Monte da Senhora do Castelo

 

 

Palácio Condes de Anadia Mangualde - 4 min da Praia
Casa-Conde-Anadia-Mangualde-3

Construído no séc. XVIII para os fidalgos Paes do Amaral, é considerado um dos mais sumptuosos solares da Beira. Destaca-se pela elegância das suas fachadas e pelo magnífico recheio, com excelente azulejaria e mobiliário da época.

 

Largo Condes de Anadia

3530-129 Mangualde

T+351 232 622 366

 

OUTRAS INFORMAÇÕES

Horário 
Dias úteis: 14h00 I 18h00 
Sábados e Domingo

** mediante marcação

 

 

Solar dos Rebelos Leitões - 5 Min da Praia
Solar de Darei
O antigo solar dos Rebelos Leitões, foi adquirido em 1856, para sede dos Paços do Concelho e é onde funcionam hoje os serviços da Câmara Municipal.
Adossada ao topo nascente está a Capela de Nossa Sra. do Desterro ou “Capela do Rebelo” (visitável), cuja delicadeza da traça salva o despojamento de grande residência senhorial.
Igreja Matriz de S.Julião - 5 Min da Praia
5938194998_837ebb0ce8
O mais precioso pergaminho com que Mangualde pode documentar a sua longínqua origem, a Igreja Matriz. A igreja levantada tão longe do povoado deriva de um pequeno monasterium estabelecido nesse lugar nos meados do séc. XII por um tal Pedro Sesnandes rico de haveres e de piedade. No começo do séc. XII, transforma-se em Igreja Matriz de São Julião, também altura da criação do concelho de Azurara (1102).
A atual igreja é de fundação dionisíaca do séc. XIII-XIV, restando desse tempo apenas o portal de volta quebrada da fachada Sul, algumas pedras sigladas e os cachorros românicos-góticos da fachada Sul. Em 26 de fevereiro de 1838 a frontaria ruiu, sendo reconstruída em 1841, não se guardando nessa reconstrução as características da sua primitiva feição.
A Capela-mor oferece um belíssimo conjunto de talha dourada de estilo nacional iniciado em 1709. No adro existem sepulturas escavadas na rocha da necrópole medieval.
Igreja da Misericórdia Mangualde - 5 Min da Praia
Mangualde04

A construção deste belíssimo imóvel sucedeu entre 1720 e 1764, segundo risco de Gaspar Ferreira, arquiteto de Coimbra. Igreja e Sacristia, Casa de Despacho, Torre, Casas do Capelão e arrumações de rés-do-chão, constituem um todo harmonioso onde ressalta a originalidade de uma varanda aberta sobre um pátio dando ares de residência fidalga a tal conjunto.

O interior da igreja é de uma extraordinária beleza. A capela-mor possui o mais artístico retábulo joanino da diocese de Viseu, o teto mostra 15 formosos painéis pintados em Lisboa no séc. XVIII e os azulejos vieram de Coimbra em 1724 (capela-mor) e 1746 (nave) representando símbolos marianos e diversas cenas como as Bodas de Caná, S. Martinho, Multiplicação dos Pães e Queda de Maná. A igreja foi considerada Imóvel de Interesse Público em 1977.

Bordados de Tibaldinho Mangualde - 18 Min da Praia
tibaldinho04

Tibaldinho, evoca uma das artes mais tradicionais e características da Beira: o Bordado de Tibaldinho.

Trata-se de uma arte secular. Data de 1929 a primeira referência a este bordado num texto que Maria Júlia Antunes apresentou ao IV Congresso Beirão, em Castelo Branco.

Porquê Tibaldinho – Segundo António Teixeira de Sousa, terá surgido na casa de Santa Eufémia também referenciada como “Casa de Tibaldinho”.

O saber bordar deu origem a uma nova atividade: bordadeira. Há mais de cento e cinquenta anos que as mulheres de Tibaldinho e de outros lugares da freguesia de Alcafache romperam o círculo fechado de uma magra economia de subsistência, passando a contribuir, com dinheiro obtido com a venda dos bordados, para o sustento familiar. A importância que o bordado tinha na economia familiar é-nos dada pela lenda de que em Tibaldinho “até os homens bordavam”. Estes limitavam-se a facilitar a vida às mulheres para que estas pudessem bordar mais.

Atualmente as bordadeiras executam bordados por encomenda e a gosto do cliente.

Este bordado constitui um caso especial entre os bordados tradicionais portugueses e mais do que uma imagem, um conjunto de pontos e motivos constitui uma atividade a que corresponde um produto, único, pelo seu valor patrimonial e simbólico.

Anta da Cunha Baixa - 15 Min da Praia
ANta+C+B,+obras

Localiza-se numa área de vale aberto, a escassas dezenas de metros do Rio Castelo, freguesia da Cunha Baixa. Monumento funerário em granito, composto por uma câmara poligonal tendencialmente retangular e corredor longo diferenciado em planta e alçado. A escavação do interior da Câmara revelou a existência de um lajeado – placas de granito pouco espessas – correspondendo ao primitivo piso deposicional funerário. À entrada da câmara, acentuando a separação entre este espaço e o corredor, preservou-se um pequeno pilar. O montículo artificial que primitivamente o envolveria (mamoa), terá sido destruído ao longo dos tempos face ao aproveitamento agrícola do local.

O espólio das suas deposições primárias, indica uma ocupação em torno do último quartel do IV milénio a.C., tendo sido posteriormente reutilizado ao longo do III milénio.

Foi classificada Monumento Nacional em 1910.

 

 

Termas de Alcafache Viseu - 20 Min da Praia
o_hotel_situa_se_em_alcafache_dentro_6780106418261951809

Situam-se num lugar recôndito só alcançado pelo silêncio dos extensos pinhais que cobrem as serranias, no fundo vale do rio Dão e a 8 km de Viseu, onde a perfeita simbiose entre o espaço e a sua envolvência tornam o local ideal para o Bem-Estar. Ao entrar no Spa Termal respira-se tranquilidade enquanto se absorvem as energias calmas de cada pormenor, pensadas minuciosamente para cada recanto. Nada foi feito ao acaso. Tudo teve um pensamento, uma inspiração. Ali não existem gabinetes de terapias mas sim vários espaços independentes que permitem o refúgio em pequenos mundos de profundo relaxamento. E ao entrar num desses mundos vive-se uma experiência única que induz a um transe hipnótico de harmonia, calma e bem-estar.

O local é perfeito para esquecer que o resto do mundo existe e ideal para passar os dias a mimar o corpo, em sessões de massagem, banhos aromáticos e tratamentos de beleza e bem-estar com águas altamente benéficas para a pele devido ao seu alto teor de sílica. A par da tranquilidade espiritual em comunhão com a Natureza, nas Termas de Alcafache usufrua de propriedades únicas no tratamento das vias respiratórias, várias doenças de pele, reumatismos crónicos, doenças músculo-esqueléticas, na recuperação de dificuldades motoras, colites e colecistopatias crónicas.

 

 

Museu Grão Vasco VISEU - 20 min da praia
 viseu_museu_grao_vasco

Instalado no antigo Paço Episcopal, totalmente renovado pela mão do arquitecto Souto Moura, o Museu Grão Vasco é hoje um museu de visita obrigatória não só pela colecção de pintura quinhentista da autoria de Vasco Fernandes, o Grão Vasco (c.1475-1542) e da sua oficina, como pela pintura portuguesa dos sécs. XIX e XX, os exemplares de faiança portuguesa, porcelana oriental e mobiliário, e um conjunto de objectos e suportes figurativos originalmente destinados a práticas litúrgicas (pintura, escultura, ourivesaria e marfins, do Românico ao Barroco).

 

Paço dos Três Escalões, Adro da Sé

3500–195 Viseu

T +351 232 422 049

F +351 232 421 241

E geral@mgv.dgpc.pt

 

OUTRAS INFORMAÇÕES

Horário 
Terças: 14h00 | 17h30 
Quarta a Domingo: 10h00 | 17h30 
Feriados: 10h00 | 17h30 
Encerra: Segundas, 1º Janeiro, Domingo Páscoa, 1º Maio e 25 Dezembro

 

 

Cidade de Viseu - 21 Min da Praia
IMG_4759

Viseu, Capital de Distrito, considerada a melhor Região para se Viver …

 

Comece a visita a Viseu na Praça do Rossio e percorra as ruelas históricas que conduzem ao magnífico Adro da Sé, composto pela Igreja da Misericórdia e pelo Museu Grão Vasco, que não poderá perder! A visita continua até à Cava de Viriato, o grande herói lusitano. Viseu é sinónimo de Vinho do Dão e de uma rica gastronomia tradicional, à qual se alia a criatividade dos novos chefs. Em Viseu e nas imediações, dispõe de inúmeros hotéis de qualidade. Na zona envolvente de Viseu, não deixe de visitar o Museu do Caramulo e renda-se ao poder das águas termais das Caldas da Cavaca, das Caldas da Felgueira, das Termas de Alcafache, das Termas do Carvalhal e das Termas de S. Pedro do Sul. Os amantes do golfe têm à sua disposição o Golfe Montebelo de 27 buracos.

 

 

Não deixe de consultar a vida noturna da cidade de Viseu que é famosa pelo seu excelente ambiente.

ice2

 

 

Turismo Portugal - Região Centro
Screen Shot 2014-03-20 at 10.00.47 PM
Turismo de Mangualde - Câmara Municipal
1

RESUMO HISTÓRICO

Câmara Municipal Mangualde

O Castelo de Mangualde foi conquistado aos mouros por Fernando Magno, Rei de Leão em 1058. Os Condes D. Henrique e Dona Teresa concederam-lhe foral em 1102. A partir do séc. XVII com a fundação da Misericórdia e a instituição da Feira e no séc. XIX com a abertura de novas vias de comunicação, o antigo burgo conheceu um elevado grau de desenvolvimento, reconhecido pela Assembleia da República em 1986 que elevou Mangualde a cidade.

A sua localização geográfica, situada no cruzamento de importantes vias de comunicação (IP3 e A25) e a modernização da Linha da Beira Alta, principal via de ligação à Europa por Caminhos de Ferro, catapultaram Mangualde para um grande desenvolvimento superior, trouxeram investimento por parte de novas empresas que por sua vez criaram novos postos de trabalho e fixaram as populações.

Mangualde situa-se na Região Centro de Portugal, a cerca de 15km de Viseu e dispõe de uma superfície de 220,72 Km².

Mangualde, outrora Azurara da Beira, é terra antiquíssima, apresenta vestígios da presença do homem desde o neolítico (Antas da Cunha Baixa e Padrões), passando pela época do domínio romano, troços de Vias Romanas, Marcos Miliários, Aras e Ruínas de Villae marcam a sua presença.

 

Para saber tudo clique aqui

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *